Como encontrar um emprego na Suécia

A Suécia é um dos poucos países do mundo que estão realmente abertos aos imigrantes. Aqui, tanto os suecos quanto os imigrantes têm acesso à oportunidade de trabalho, cursos profissionalizantes e apoio financeiro do governo para se recolocar no mercado.

Já me perguntaram como é encontrar emprego aqui e eu vou ser sincera, eu ainda não procurei emprego de verdade. Neste primeiro ano aqui, durante os quatro primeiros meses eu fiquei em casa com a Violeta e fiz a adaptação dela na escola, depois comecei a estudar inglês para conseguir me virar sozinha e agora em março vou iniciar o curso de sueco. Então, prática na busca de emprego eu não tenho, mas vou compartilhar aqui o que eu vejo acontecendo no mercado de trabalho e o que eu tenho lido em matérias daqui, ok?

Área de TI

Como em qualquer outra parte do mundo, a área de TI é a que tem mais demanda. As empresas suecas estão caçando desenvolvedores em todos os cantos do planeta para trazer para cá. As vantagens desta área é que geralmente exigem apenas o inglês fluente. E é sério, tem muita vaga!

Quando o Vinicíus colocou o Linkedin dele em inglês vagas na Europa começaram a brotar para ele. Recrutadores de Portugal, Polônia, Alemanha e claro, Suécia entraram em contato. Ele não precisou procurar vaga porque elas vinham até ele, o que fizemos foi conversar e decidir qual responder. Optamos pela Suécia e deu certo.

Então, se você trabalha com programação, independente da especialidade é muito provável que tenha vaga em qualquer país da Europa. Aqui na Suécia, empresas como Spotify, King, Sony Ericsson, Klarna, H&M, Scania, sempre estão atrás de desenvolvedores. Aproveite essa dica! 😉

Comunicação

Bom, como eu sou jornalista, me interesso bastante pela área de comunicação. No início eu acreditava que apenas o inglês seria o suficiente para encontrar alguma vaga em Marketing Digital, pode até ser que seja possível, mas é extremamente raro e depende muito de QI (quem indica).

As vagas que exigem apenas o inglês, geralmente são de empresas multinacionais e a concorrência é enorme. Por que uma empresa daria a vaga para uma pessoa que fala apenas o inglês em vez de dar para uma pessoa que fala sueco, inglês e espanhol, por exemplo?

No entanto, tem sim muita vaga na área de comunicação. Eu todo dia recebo vagas no meu e-mail para redação, marketing, social media, repórter, porém todas exigem o sueco. E como agora eu já estou mais segura com o inglês, decidi investir no sueco para trabalhar com o que eu realmente gosto e sem a pressão de ficar buscando a vaga ideal numa empresa gigante que aceita apenas o inglês.

Como buscar uma vaga de emprego na Suécia independente da área?

Existem diversas maneiras de encontrar um emprego na Suécia, como eu disse, tem bastante vaga e quem tem uma noção básica de sueco geralmente passa na frente. Não encare isso como um desencorajamento, é a realidade para quem não é da área de TI. E aprender sueco nem é tão difícil assim, eu ainda não fiz uma aula e já entendo algumas coisas, é uma questão de querer aprender mesmo.

Uma das maneiras mais práticas de procurar emprego é por meio do site da Agência de Emprego Pública Sueca  ( Arbetsförmedlingen ), que oferece apoio para quem busca trabalho como informações, conselhos e suporte. Também existem outros sites de anúncios de vagas bastante populares:

Listagens de empregos em inglês

Agências de recrutamento com listas de empregos

Portal Europeu da Mobilidade Profissional

Outro bom ponto de partida para quem busca um emprego na Europa é a base de dados EURES . Uma coleção de listas de empregos das agências públicas dos países da União Europeia que é disponibilizada pelo Serviço Público de Emprego da UE. Os cidadãos dos países da UE podem utilizar o programa “O seu primeiro emprego EURES” , que incentiva a mobilidade europeia.

O EURES também é muito útil se você é um cidadão de fora da UE e precisa de uma autorização de trabalho. Se você receber a oferta de emprego, seu empregador deve ter anunciado o trabalho na UE / Espaço Econômico Europeu (EEE) e Suíça por pelo menos dez dias. Este é um dos requisitos básicos para ser elegível para uma autorização de trabalho sueca, e o EURES facilita isso.

Você pode entrar em contato por esses canais: EURES Suécia no Facebook ou conversar com um consultor da EURES.

Descubra como está a sua área

A Agência de Migração Sueca, juntamente com a Agência Pública de Emprego, regularmente disponibilizam uma lista de trabalhos que estão em alta demanda na Suécia, a lista de falta de mão-de-obra , está em sueco. Alguns que aparecem na lista:

  • Arquitetos
  • Padeiros
  • Parteiras
  • Babá
  • Bombeiros
  • Motoristas de ônibus e bonde
  • Engenheiros civis
  • Fisioterapeutas
  • Médicos
  • Psicólogos
  • Dentistas
  • Enfermeiras
  • Professores universitários

Neste link você vai encontrar informações mais detalhadas sobre o processo de busca de emprego, aplicação e visto de trabalho, clique aqui para saber mais.

Gostou do post? Comenta aqui embaixo 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s